Deputada jovem” do Colégio da FSA apresenta projeto na Assembleia

A deputada jovem, Luiza Valle, do Colégio da Fundação Santo André, do Partido de Direitos Humanos (PDH), representou a FSA, integrando o Parlamento Jovem Paulista na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. A estudante protocolou seu projeto, que trata da “Publicação em mídias sociais digitais de manifestações com ou sem humor, que vinculem preconceito de todas as formas e sarcasmo, relacionados com saúde”. A matéria foi aprovada pela maioria em Sessão Solene no último dia 7 de novembro.

O objetivo do evento é o de estimular o debate democrático e o exercício da cidadania entre os jovens. O Parlamento Jovem Paulista reúne 94 estudantes na Assembleia Legislativa, que representa escolas públicas e particulares do Estado de São Paulo.

Durante a sessão, a deputada jovem Luiza Valle (PDH) foi à tribuna para defender seu projeto e discursou: “É inegável a importância de se disciplinar o uso de mídias sociais digitais como forma de evitar manifestações humorísticas discriminatórias, como o humor negro ou relacionado à saúde. Como as mídias sociais digitais têm uma grande abrangência, e a cada dia aumenta sua variedade, torna-se importante uma lei para controlar, impedir e diminuir a discriminação e o preconceito naqueles esp

luiza valle

aços. A discriminação e o sarcasmo, tal como descritos nesse projeto, são uma forma de violência que precisa ser controlada. Muito obrigada”, agradeceu, sob os aplausos dos presentes ao evento.

A Mesa da Sessão, presidida pela presidente Nycole Nunes, do Partido da Saúde (PS), decidiu por votação conjunta a apresentação de todos os Projetos de Lei do Partido dos Direitos Humanos, havendo 64 parlamentares a favor, e 13, contrários. O pleito contou ainda com 12 abstenções.

De acordo com a diretora do Colégio da Fundação Santo André, Profa. Valéria Kosicki, o Colégio da Fundação foi convidado no terceiro trimestre para participar do Parlamento Jovem. “Internamente, todos os alunos do Ensino Fundamental, na disciplina de História, foram desafiados a desenvolver um projeto de lei inédito, que tornasse a vida em sociedade melhor.

Vários projetos e ideias surpreendentes foram apresentados, o que tornou a seleção ainda mais difícil. Afinal, somente um projeto poderia ser enviado. Assim, o projeto selecionado foi o da aluna Luiza Paixão Valle, do 9º ano”, explicou a diretora no blog do Colégio.

Deixe uma resposta

Fechar Menu