Você está visualizando atualmente Competências da redação do ENEM 2023

Competências da redação do ENEM 2023

  • Categoria do post:Blog / ENEM
7.710 Views · 

Você sabia que um bom desempenho na redação pode fazer toda a diferença no resultado do ENEM 2023? Muitos candidatos perdem a oportunidade de estudar em grandes instituições por não conseguirem uma boa nota na redação. Geralmente, isso acontece graças a falta de conhecimento das competências da redação do ENEM.

E aí, você sabe quais são as competências da redação do ENEM? Confira tudo sobre a redação do ENEM 2023 a seguir!

Qual foi o tema da redação do ENEM 2023?

O tema da redação do ENEM 2023 foi divulgado: Desafios para o enfrentamento da invisibilidade do trabalho de cuidado realizado pela mulher no Brasil.

Como fazer a redação do ENEM?

Antes de falar sobre as competências da redação do ENEM 2023, é essencial entender como escrevê-la. Muitos candidatos zeram a prova de redação por uma série de motivos, desde a falta de interpretação até mesmo desconhecimento das técnicas necessárias para escrever uma boa redação.

Afinal, como fazer uma boa redação no ENEM? A melhor maneira de garantir uma boa nota na redação do exame é escrever um texto cumprindo com os requisitos e, é claro, com as competências do ENEM. Existem algumas dicas que podem te ajudar a fazer uma boa redação, como:

  • Não fuja do tema;
  • Organize o texto de forma clara e objetiva (introdução + desenvolvimento + conclusão);
  • Utilize linguagem formal e adequada à norma-padrão da língua portuguesa;
  • Evite ao máximo erros gramaticais e ortográficos;
  • Revise o texto cuidadosamente antes de finalizar a prova.
Confira como fazer a redação do ENEM 2023
A redação do ENEM deve ser clara, objetiva e escrita com linguagem formal

Uma dica de ouro para quem vai fazer a redação do ENEM é escrever o texto no estilo prosa. No caso, saiba que a redação deve ser um texto dissertativo-argumentativo, em que o candidato deve defender um ponto de vista e justificar os argumentos. Lembre-se que é essencial não fugir do tema proposto pelo ENEM.

Esse ano, a redação do ENEM 2023 será realizada no primeiro domingo de prova, 5 de novembro.

O que pode zerar a redação do ENEM?

Como dito anteriormente, muitos candidatos acabam zerando a prova de redação por não cumprir com os requisitos. Existem muitos motivos que fazem o candidato zerar a redação do ENEM. Um dos principais é o tema. Lembre-se que é essencial escrever o texto baseado no tema proposto, para evitar surpresas na hora de conferir a nota do ENEM.

Confira o que pode zerar a redação do ENEM:

  • Fugir do tema proposto;
  • Entregar a folha em branco (ou com menos de sete linhas);
  • Não seguir o formato dissertativo-argumentativo;
  • Plagiar textos motivadores;
  • Inserir desenhos e sinais gráficos impróprios na redação;
  • Escrever em língua estrangeira;
  • Escrever com letra ilegível.

Conheça as 5 competências da redação do ENEM

A redação do ENEM é importante para definir a nota final dos candidatos. Ela vale 1.000 pontos e é avaliada com base em diferentes critérios definidos pelo Ministério da Educação (MEC). Para garantir uma nota alta, o candidato deve seguir os critérios avaliados pelos organizadores do ENEM.

Para facilitar a vida dos candidatos, o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) montou uma cartilha com as principais informações sobre a redação do ENEM 2023. No caso, essa cartilha conta com as cinco competências exigidas na redação do exame.

Confira quais são as cinco competências da redação do ENEM:

Domínio da escrita formal da língua portuguesa

A 1ª competência da redação do ENEM 2023 é o domínio da escrita formal da língua portuguesa. A redação deve estar adequada às regras de ortografia, como acentuação, uso de hífen, emprego correto de letras maiúsculas e minúsculas, separação silábica, entre outras. Além disso, os avaliadores analisam a regência verbal e nominal, bem como concordância verbal e nominal, paralelismo, pontuação, emprego de crase e pronomes.

Nessa competência da redação do ENEM, são seis níveis de desempenho:

Níveis de desempenho da 1ª competência da redação do ENEM
Fonte: Ministério da Educação (MEC)

Compreensão do tema e não fugir do tema proposto pelo ENEM

Outra competência da redação do ENEM 2023 é compreender e não fugir do tema proposto. Ela avalia as habilidades integradas de leitura e escrita dos candidatos. O tema da redação do ENEM constitui o núcleo de ideias sobre as quais o texto deve ser organizado. Logo, é uma delimitação de uma assunto abrangente.

Assim como a competência anterior, são seis níveis de desempenho:

Níveis de desempenho da 2ª competência da redação do ENEM
Fonte: Ministério da Educação (MEC)

Seleção, relação, organização e interpretação de informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista

Para que consiga obter uma boa nota na redação do ENEM, o candidato deve elaborar um texto que apresente, claramente, uma ideia a ser defendida. Os argumentos do texto devem justificar a posição assumida pelo candidato em relação à temática da proposta da redação do ENEM.

Dessa forma, uma das competências da redação do ENEM é selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, opiniões, argumentos e fatos em defesa de um ponto de vista. Nessa competência, os avaliadores analisam a coerência e plausibilidade entre as ideias apresentadas pelo candidato.

Confira os seis níveis de desempenho dessa competência de redação:

Níveis de desempenho da 3ª competência da redação do ENEM
Fonte: Ministério da Educação (MEC)

Conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para construir a argumentação

Conhecer os mecanismos linguísticos necessários para construir a argumentação é mais uma das competências da redação do ENEM. Nessa competência, são avaliados os itens relacionados à estruturação lógica e formal entre as diferentes partes do texto. A organização textual exige que todas as frases e parágrafos do texto estabeleçam entre si uma relação que garante uma sequência coerente da redação, bem como a interdependência entre as ideias.

Na redação do ENEM, as conjunções, preposições, advérbios e locuções adverbiais são responsáveis por garantir a coesão. Isso acontece porque eles estabelecem uma inter-relação entre as frases, orações e parágrafos do texto. Cada parágrafo deve ser composto por, ao menos, um período articulado. Além disso, cada ideia nova inserida no texto pelo candidato deve estabelecer uma relação com as ideias anteriores.

Os seis níveis de desempenho dessa competência do ENEM são:

Níveis de desempenho da 4ª competência da redação do ENEM
Fonte: Ministério da Educação (MEC)

Respeito aos direitos humanos

Por fim, a última competência da redação do ENEM é o respeito aos direitos humanos. É essencial que a proposta de intervenção para o problema abordado no tema da redação respeite os direitos humanos. Os candidatos devem sugerir uma iniciativa que busque enfrentar o problema proposto pelo tema, mesmo que minimamente.

Para que consiga uma boa nota na redação do ENEM 2023, o candidato deve demonstrar o preparo para o exercício da cidadania, bem como para atuar na realidade em consonância com os direitos humanos. Na hora de escrever a redação do ENEM, é essencial lembrar dessa competência e respeitar os direitos humanos.

Confira os seis níveis de desempenho dessa competência de redação do ENEM:

Níveis de desempenho da 5ª competência da redação do ENEM
Fonte: Ministério da Educação (MEC)

Estude na Fundação Santo André com a nota do ENEM 2023!

Agora que você conhece as competências da redação do ENEM 2023 e sabe como escrever um bom texto, saiba que a Fundação Santo André possibilita o ingresso de alunos por meio da nota do ENEM 2023. Além disso, é possível ingressar no centro universitário por meio de uma prova online de redação.

E aí, está esperando o que para estudar na Fundação Santo André? Utilize a sua nota do ENEM 2023 ou faça uma prova de redação online. Para mais informações, acesse a página do vestibular do Centro Universitário Fundação Santo André.

O Centro Universitário Fundação Santo André, Fundação Pública Municipal, tem mais de 60 anos, 100.000 alunos formados e conta com mais de 100 laboratórios, tem NOTA MÁXIMA 5 institucional junto ao MEC e conta com cursos na área de Direito, Publicidade, Negócios, Engenharia, Arquitetura, TI, Psicologia, Biologia, entre outros. Para 2024, as novidades serão os cursos de Ciência da Computação, Biomedicina e Design.

Deixe um comentário